20 setembro 2020 - 11:19

Polícia Civil cumpre busca e apreensão para investigar possível pedofilia.

Através de trabalho em conjunto da Gerência de Inteligência da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil (DIPC) e da Delegacia de Polícia Civil de Orleans, constatou-se que um IP (Protocolo de Internet) vinculado a servidor que atendia a cidade de Orleans, baixou arquivos para o dispositivo informático referente a pornografia infantil (fotos e vídeos de crianças de tenra idade em cenas pornográficas).

Segundo informações do Delegado de Polícia Civil de Orleans Ulisses Gabriel , “após isso, identificou-se o titular do IP, cujos dados cadastrais estão em nome da titular, G. T. V., casada com D. de S., sendo instaurado o competente inquérito policial para apurar os fatos. Consta do artigo 241-B da Lei n. 8.069/90: “Art. 241-B. Adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.”

Diante disso, requereu-se um mandado de busca e apreensão na residência, que foi cumprido no final da tarde de ontem, 12 de novembro, com o apoio do IGP, apreendendo-se dois aparelhos telefônicos celulares que serão submetidos à perícia” relatou .

 

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-