25 setembro 2020 - 12:04

Jovem motorista que soltou som de alarme nas ruas de Orleans, se apresenta na delegacia

Um jovem transitou pelas ruas centrais de Orleans na madrugada desta terça-feira, dia 24. Com o porta mala do seu veículo aberto e soltou no auto falante do seu som o alarme de Auschwitz (usado pelos nazistas nos campos de concentrações alemães). Caso comprovado a apologia ao nazismo, o jovem de 19 anos poderá sofrer pena de dois a cinco anos de prisão.

Isso em um momento onde as pessoas estão com os nervos a flor da pele, incertas do futuro e com medo do presente, devido a coronavírus

Segundo o delegado do caso, Ricardo Kelleter, o motorista se apresentou nesta tarde de ontem, dia 24 de março, na delegacia e alegou que era uma “brincadeira”.

“Isso não o isenta das responsabilidades penais. Vamos verificar a situação por completo, a fim de apurar, realmente, se houve apologia ao nazismo”, ressalta o delegado.

O rapaz irá responder por infração criminal por perturbação da tranquilidade, neste caso poderá ter pena de prisão simples de 15 dias a dois meses de reclusão e multa. “Caso comprovado a apologia ao nazismo, o jovem pode sofrer pena de dois a cinco anos de prisão”, segundo o delegado.

 

Vamos compartilhar e ajudar a identificar o autor de perturbação de sossego que atuou na cidade de Orleans na madrugada (24/03/20), fazendo uso de som de sirene antiárea, que também era utilizada em campos de concentração na nazista. Em tempo: SUSPEITOS IDENTIFICADOS.

Publicado por Delegado Ulisses Gabriel em Terça-feira, 24 de março de 2020

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-