19 maio 2024 - 8:54
- Anúncio -

Vôlei Feminino: Criciúma será sede do Brasileiro Interclubes Sub-19

Partidas ocorrerão no Ginásio Municipal Irmão Walmir Orsi, da FME Criciúma, em setembro

Com a participação de grandes equipes brasileiras, Criciúma sediará um dos mais importantes torneios de base do vôlei feminino. Dos dias 19 a 24 de setembro, o Ginásio Municipal Irmão Walmir Orsi receberá o Campeonato Brasileiro Interclubes (CBI) Sub-19 Classificatória “A”. A competição é organizada pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) e pelo Comitê Brasileiro de Clubes (CBC).

“Ficamos felizes de proporcionar à Criciúma sediar mais uma vez uma etapa do Brasileiro Interclubes de vôlei feminino. Esta é a terceira vez que a competição será realizada aqui, as outras duas foram no Mampituba e desta vez ocorrerá no Ginásio da FME Criciúma. Ficamos muito felizes e orgulhosos, primeiramente, pela união de esforços entre Mampituba, FME Criciúma, Unesc e Empresas Radar para tão bem organizar este grandioso evento e por Criciúma e região poder estar prestigiando grandes jogos dos melhores times de voleibol do Brasil”, ressalta o presidente do Mampituba, Larciney Antônio Fabris.

Além do time da casa, a S.R. Mampituba/FME Criciúma/Radar/UNESC, participam do CBI: Flamengo (RJ), Minas Tênis Clube (MG), Sesi (SP), Bradesco (SP), Pinheiros (SP), BNB Clube (CE), Nova Trento (SC), PM Chopinzinho (PR), Paineiras (SP), Remo (PA), Ponte Preta (SP) e ADV (SC). As equipes foram divididas em três chaves e disputam entre si.

“Nosso objetivo principal é ficar entre as três melhores equipes para garantirmos uma vaga na etapa final que ocorrerá em Saquarema (RJ) na sede da CBV em dezembro. Esperamos contar com o apoio da torcida, já que jogamos em casa. E nossa equipe está se preparando bem para ir em busca deste título”, comenta o técnico do Mampituba/FME Criciúma/Radar/UNESC, Luciano Iribarrem Carvalho.

As partidas iniciam no dia 19 de setembro pela manhã. Porém às 18h30 será realizada a cerimônia de abertura do Brasileiro com a partida de estreia do Mampituba/FME Criciúma/Radar/UNESC que irá encarar a Ponte Preta.

A defesa do esporte como mola propulsora de transformações e o apoio a atletas está entre as bandeiras da Unesc, que, conforme a reitora Luciane Bisognin Ceretta, não é por acaso. “Nosso perfil comunitário nos convoca a esse apoio há 55 anos. Estamos juntos no incentivo à prática esportiva em diferentes níveis e espaços por acreditar nesse processo como transformador, assim como o conhecimento, e que estes devem caminhar lado a lado”, destaca a reitora.

“É sempre gratificante sediar competições tão importantes para nossa cidade. Como resultado, conseguimos, cada vez mais, mostrar o desempenho que Criciúma representa no esporte, e na modalidade, para outros estados e municípios. Estamos trabalhando para o sucesso de mais este evento”, menciona o presidente da FME de Criciúma, Neto Uggioni.

Apoio ao Vôlei Mampi

A equipe de voleibol feminino da Sociedade Recreativa Mampituba é integrante do projeto de formação de atletas que o clube mantém por meio de convênio, através de editais, com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC). Bem como do Governo Federal por meio do Ministério do Esporte via Lei de Incentivo ao Esporte.

O projeto conta com o apoio da Unesc, FME de Criciúma, Empresas Radar, Farben, Bistek, Urc, Restaurante Andrade, Levve Ortopedia, Hotel Zata e Colégio Unesc.

Colaboração: Lucas Colombo/ S.R.Mampituba

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-