22 julho 2024 - 6:01
- Anúncio -

 Vereadora de São Ludgero propõe Projeto “Bosque da Vida” para promover a educação ambiental

 A proposta é da Vereadora e Presidente da Câmara de Vereadores de São Ludgero, Maria Marlene Schlickmann.

         Em uma iniciativa que visa promover a conscientização ambiental e práticas sustentáveis, a Vereadora e Presidente da Câmara de Vereadores de São Ludgero, Maria Marlene Schlickmann, apresentou, nesta segunda-feira, 1º de julho de 2024, uma indicação aprovada por unanimidade para a criação do “Projeto Bosque da Vida”. A proposta sugere que o Executivo Municipal elabore um projeto de lei para estimular a preservação do meio ambiente e a educação ambiental. A Indicação foi enviada para a prefeitura de São Ludgero juntamente de uma Minuta detalhando o projeto.
Detalhes do Projeto
         O “Projeto Bosque da Vida” incentiva os moradores a plantar uma muda de árvore, preferencialmente nativa da região, a cada nascimento de uma criança registrado no cartório civil de São Ludgero ou órgão competente. As mudas seriam plantadas semestralmente, coincidindo com o Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho) e o Dia da Árvore (21 de setembro), em áreas públicas urbanas ou rurais, conforme indicação do setor competente da administração municipal. Principalmente em APP – áreas de Preservação Permanente.
Participação e Certificação
         O projeto prevê a participação de diversas entidades e secretarias municipais, além de permitir a colaboração de entidades privadas e públicas interessadas. Cada família que participar do plantio receberá um certificado “CRIANÇA AMIGA DA NATUREZA”, contendo informações sobre a criança e a data do plantio. As árvores plantadas serão numeradas e identificadas com o nome da criança, registradas em um arquivo próprio.
Objetivos e Benefícios
          A vereadora destacou que o “Projeto Bosque da Vida” é uma ferramenta essencial para a conscientização ambiental e promoção de práticas sustentáveis. O projeto não apenas contribui para a redução das emissões de dióxido de carbono (CO2) e o aumento da cobertura arbórea na cidade, mas também fortalece a integração comunitária. Espaços de convivência serão criados, aves atraídas, e um programa de educação ambiental será desenvolvido junto às escolas do município.
Conscientização e Sustentabilidade
        “A proposta visa mostrar que cada contribuição, por menor que seja, desempenha um papel fundamental na preservação do meio ambiente e na conscientização das futuras gerações. Plantar uma árvore é um gesto simples, mas poderoso, que transmite a importância de práticas sustentáveis e a preservação da natureza,” afirmou a vereadora.
Parcerias e Execução
          Para viabilizar a execução do projeto, a administração municipal pode firmar parcerias com cartórios, órgãos públicos e entidades privadas. Inclusive existe já um aceno positivo do SAMAE (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) de São Ludgero em colaborar. A aquisição e fornecimento gratuito das mudas serão assegurados, respeitando as normas vigentes. As famílias também poderão solicitar a muda para plantio próprio dentro de 90 dias após o nascimento da criança.
        O “Projeto Bosque da Vida” é uma iniciativa promissora que reforça o compromisso de São Ludgero com a sustentabilidade e a educação ambiental.
Foto: Banco de Fotos autorizadas para veiculação.

Colaboração:Fernando Sombrio

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-
<