22 julho 2024 - 12:57
- Anúncio -

“Trilhando o caminho do autoconhecimento” foi o tema de encontro do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV)

  Com o tema “Trilhando o caminho do autoconhecimento” foi realizado mais um encontro das famílias que integram o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), vinculado ao Centro de Referência de Assistência Social (Cras), por meio da Secretaria de Assistência Social e Habitação de São Ludgero. O evento aconteceu no dia 20 de junho, no período noturno, no Centro Cultural Multiuso Dimas Schlickmann, e contou com apresentações de crianças, adolescentes e idosos.

    O encontro iniciou às 18h30min com a recepção, logo após apresentação do grupo SCVFI da Pessoa Idosa. Sob a orientação do oficineiro de música Mateus Estevão, os idosos encantaram o público com suas vozes, interpretando músicas ensaiadas com dedicação e paixão. O repertório trouxe canções que tocaram o coração de todos, refletindo a vivacidade e o espírito de união dos participantes. A programação seguiu com o palco sendo tomado pelas apresentações ensaiadas pela oficineira Marília Fernandes Eing. As coreografias, associadas ao percurso “Trilhando o Autoconhecimento” foram preparadas com foco em cada situação vivida pelos participantes ao longo do ano. As danças, ricas em expressão e movimento, contaram histórias de descobertas pessoais, desafios superados e o crescimento individual de cada um. A diversidade de ritmos e estilos evidenciou a dedicação e o empenho dos jovens dançarinos, que foram aplaudidos pelo público presente.

    A Coordenadora do Cras de São Ludgero, Jecica de Freitas Damaceno, informa que cada apresentação destacou a importância do autoconhecimento e da convivência comunitária. “O evento não apenas celebrou as habilidades e talentos dos participantes, mas também fortaleceu os vínculos entre os membros da comunidade. Pais, responsáveis e visitantes saíram do multiuso com o coração aquecido, carregando consigo a mensagem de que o autoconhecimento é um caminho contínuo e enriquecedor. O encontro foi sucesso absoluto e reafirmou como a música, a dança e a arte promove a integração e o desenvolvimento pessoal”, ressalta.

Saiba quais as apresentações feitas:

“Em Busca de Mim” – Grupo 1 – A coreografia ao som de “Saber Quem Sou” da animação “Moana”. A apresentação destacou a coragem e autodescoberta, com movimentos expressivos que capturaram a determinação dos pequenos dançarinos em encontrar sua verdadeira identidade.

“Alma Valente” – Grupo 2 – Inspirada na música “O Céu Eu Vou Tocar”, de “Valente”, esta performance celebrou a coragem e determinação de buscar nossa essência, enfrentando medos e incertezas.

“Beleza Interior” – Grupo 3 – Acompanhada pela música “Scars To Your Beautiful”, esta coreografia transmitiu uma mensagem de amor-próprio e aceitação, destacando que a verdadeira beleza reside na autenticidade e nas histórias pessoais.

“Tipo Borboleta” – Grupo 4 – Esta dança simbolizou a transformação e crescimento pessoal, inspirada pelo ciclo de vida das borboletas. As crianças do CRAS de São Ludgero ilustraram a adaptação às mudanças e a descoberta da verdadeira beleza e potencial.

“Luzes da Alma” – Grupo 5 – A coreografia foi inspirada pela música “Firework” de Katy Perry. Celebrando a singularidade e o potencial de cada indivíduo, a performance convidou o público a refletir sobre a importância de valorizar a própria essência.

Crédito Bertoldo Weber 

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-