22 junho 2024 - 5:54
- Anúncio -

Temporal atinge o Extremo Oeste e causa destelhamentos e danos em plantação de eucaliptos

Uma frente fria avançou sobre Santa Catarina nesta quinta-feira, 23, provocando temporais e chuva pontualmente intensa em diversas regiões do estado. No Extremo Oeste, uma forte tempestade acompanhada de raios e rajadas de vento causou estragos em uma região de plantação de eucaliptos e destelhou estruturas. Após análises de imagens captadas por radar, a Defesa Civil do Estado descartou a ocorrência de tornado ou microexplosão na região.

O município de Santa Helena, por volta das 16h, foi atingido por uma intensa tempestade. De acordo com o Monitoramento e Alerta da Secretaria de Estado da Proteção e Defesa Civil de Santa Catarina (SDC), o evento meteorológico veio acompanhado de uma frente de rajada que ocasionou destelhamentos e queda de árvores na região do município. Além disso, conforme o coordenador regional de Proteção e Defesa Civil de São Miguel do Oeste, Dirceu Trevisan, os danos ocorreram de maneira isolada, sem seguir uma trajetória definida.

Imagens captadas pelo radar meteorológico de Chapecó, nas figuras 1 e 2, os produtos CAPPI e (CAPPI (V)) confirmam a ocorrência da frente de rajada. É importante notar que o campo de velocidade radial do vento (CAPPI (V)) não apresentou um dipolo, ou seja, mudança rápida na direção do vento, assinatura característica de tornados.  Além disso, o radar também não indicou queda significativa da quantidade de água líquida dentro da tempestade, o que seria característico de microexplosão.

Assessoria de Comunicação da  Secretaria de Estado da Proteção e Defesa Civil de Santa Catarina

Temporal atinge o Extremo Oeste e causa destelhamentos e danos em plantação de eucaliptos
Fonte: Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Santa Helena
spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-
<