19 maio 2024 - 9:37

SindArroz-SC celebra qualidade e produtividade do arroz colhido em Santa Catarina

Com a colheita de arroz praticamente finalizada no Estado, o Sindicato das Indústrias de Arroz de Santa Catarina (SindArroz-SC) celebra os bons resultados obtidos na safra 2022/2023, principalmente no que diz respeito à qualidade dos grãos cultivados em solo catarinense. Além disso, a produtividade também foi positiva, tornando o cenário favorável tanto para os produtores, quanto para as empresas que beneficiam o alimento.

A safra, que iniciou o plantio em meados de agosto, já está com 99,9% da área semeada colhida, segundo Boletim Agropecuário disponibilizado pela Epagri/Cepa na segunda quinzena de maio. Já com aproximadamente 147 mil hectares colhidos, no momento, os produtores catarinenses têm focado os últimos esforços no rebroto do arroz. Em comparação ao ano passado, segundo análise da instituição, os grãos apresentam boa produtividade e, em alguns casos, chegam a ultrapassar a média de 220 sacos por hectare.

Conforme o presidente do SindArroz-SC, Walmir Rampinelli, a colheita deste ano não foi tão estendida quanto às anteriores, muito por conta de novos maquinários que entraram na região e equipamentos com maior produtividade. “O produtor sempre tem necessidade de retirar seu produto o mais rápido possível das lavouras e colocá-lo em um lugar de segurança, para que consiga dormir tranquilo. Então vemos este fator como um ponto bastante positivo da colheita desta safra”, ressalta.

Na mesma linha, o produto deste ano pode ser avaliado como de excelente qualidade, segundo Rampinelli. “As indústrias estão satisfeitas com a qualidade do arroz e o produtor também, pois a produtividade foi boa. Tivemos um tempo favorável, água suficiente. Fomos privilegiados e pudemos registrar uma safra altamente positiva, com produtos de qualidade e de grande rentabilidade, tanto para o produtor quanto para as indústrias, favorecendo toda a cadeia com bons resultados”, completa.

Região de Tubarão

Uma situação mais atípica em Santa Catarina foi registrada na região de Tubarão, que acabou sofrendo os impactos de uma enchente registrada entre o fim de novembro e o início de dezembro de 2022. As inundações atingiram em torno de 2,5 mil hectares, destruindo a produção de 14% do território plantado na localidade.

O replantio foi realizado na região entre dezembro e janeiro, e o arroz cultivado desde então tem sido colhido, devendo manter a qualidade do grão, apenas com uma produtividade em torno de 5% menor do que a registrada na safra passada.

Colaboração: Francine Ferreira -Expressio

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 5)
-Anúncio-Erro, não existe o grupo! Verifique sua sintaxe! (ID: 4)
-Anúncio-