13 abril 2024 - 10:43
- Anúncio -

SAMU alerta sobre os cuidados necessários para fazer trilhas de difícil acesso

Durante o verão em Santa Catarina, moradores e turistas buscam se aventurar fazendo trilhas em montanhas, morros e cachoeiras. No entanto, é sempre importante observar alguns cuidados para evitar acidentes ou até mesmo o risco de morte. Para garantir a segurança, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), dá algumas dicas para que o passeio seja seguro e divertido.

Antes de iniciar a trilha, o ideal é fazer um estudo prévio do lugar que deseja ir, como condições climáticas, distâncias e grau de dificuldades. Além disso, é preciso ficar atento sobre as condições de saúde e respeitar as limitações do próprio corpo. Outro detalhe importante é comunicar seus planos a alguém de confiança, caso aconteça algum imprevisto, essa pessoa pode ajudar a chamar o socorro.

O equipamento também tem que ser levado em consideração. É necessário usar calçados apropriados, roupas de proteção contra as condições climáticas, suprimentos de emergência, água, comida, mapa e bússola ou GPS. Ter conhecimento básico de primeiros socorros e saber como agir em caso de emergência, é um grande diferencial. Por isso, a importância de carregar um kit de primeiros socorros.

“Tem muita gente fazendo trilhas sem o devido planejamento e ou desacompanhados. Temos registro de várias ocorrências de pessoas que sofreram mal súbito por falta de condicionamento físico, ou por se exporem ao clima. Casos de pessoas que levam animais e crianças, sem água e alimento e se perdem, o que potencializa um acidente. Nossas estatísticas mostram que nos finais de semana temos feito diversos resgates em trilhas de difícil acesso”, ressalta Marcos Antônio Fonseca, Superintendente de Urgência e Emergência.

Para Marcos seguir regras de segurança básicas evita muitos problemas. Tais como não se aventurar sozinho, manter-se na trilha escolhida, respeitar os limites de velocidade em terrenos íngremes e rochosos, e evitar caminhar durante condições climáticas extremas. Ele também aconselha ligar para o número 192, caso haja um acidente. Em áreas sem cobertura de celular, considere o uso de dispositivos de comunicação via satélite ou rádio.

Essas são algumas das precauções básicas que o SAMU alerta aos praticantes de trilhas de difícil acesso. Seguir essas orientações pode ajudar a garantir uma experiência segura e agradável ao ar livre.

ASCOM | SES

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-