9 agosto 2022 - 7:31

Reunião debate combate a Raiva Bovina e a Cigarrinha-do-Milho em São Ludgero

São Ludgero segue realizando reuniões nas comunidades com o objetivo de esclarecer e combater a Raiva Bovina e a Cigarrinha-do-Milho. No dia 9 de dezembro, às 19 horas, a comunidade do Bom Retiro foi sede de mais um importante encontro com a presença de famílias rurais e técnicos da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) Epagri e da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc). A ação conta com o apoio da Secretaria de Agricultura, Comércio, Indústria e Turismo.

       A reunião foi realizada no Centro Comunitário e os assuntos técnicos apresentados pelo Engenheiro Agrônomo da Epagri, Igor Franz Dittert, e a Médica Veterinária da Cidasc, Angela Zimmermann. A Raiva Bovina é uma doença transmitida pelos morcegos. A doença é causada por um vírus que pode infectar animais domésticos e selvagens, e pode ser transmitida às pessoas pelo contato com a saliva infectada através de mordidas ou arranhões. O aumento da incidência da Cigarrinha-do-Milho, transmissora de agentes causais de doenças denominadas de enfezamentos na cultura do milho, que tem causado impactos na produção do grão, aumentou consideravelmente a preocupação tanto dos produtores, bem como das autoridades e profissionais técnicos.

    O Engenheiro Agrônomo da Epagri, Igor Franz Dittert, informa que nas reuniões são transmitidas informações importantes em relação as providências para realizar o combate, ações preventivas, o monitoramento e sanada as dúvidas. “A iniciativa da Epagri conta com a parceria importante da Cidasc. São dois temas que preocupam. A Raiva pelo fato do aumento dos casos poder chegar ao ser humano e a Cigarrinha-do-Milho por afetar fortemente as lavouras”, pontua.

     O Secretário de Agricultura, Comércio, Indústria e Turismo, Paulo Sérgio Lorenzetti, reforça a importância da participação das famílias. “Ao participar adquirirem conhecimento, entendem melhor as doenças e recebem orientações importantes de como prevenir e combater”, ressalta.

Colaboração: Bertoldo Kirchner Weber – Assessor de Comunicação

Município de São Ludgero

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-