23 maio 2024 - 10:21
- Anúncio -

Praça e Parquinho no bairro Nova Orleans serão inaugurados neste domingo, 28 de abril

A Prefeitura de Orleans por meio da Secretaria de Administração informam que o próximo dia 28 de abril (domingo) às 17h ficará para a história. É que neste dia, o Poder Municipal entregará à população e moradores a mais nova Praça Pública e de lazer “Francisco Pedro Cardozo” (in memoriam), localizada à R. Maria Ernestina Cardoso, no Bairro Corridas/Nova Orleans. Sob o valor de R$209.150,50 (duzentos e nove mil, cento e cinquenta reais e cinquenta centavos), a obra do parquinho que mede 587,50m² é uma homenagem ao orleanense que nasceu, empreendeu e constituiu família, deixando um importante legado à cidade.

Durante a solenidade de entrega, a banda Estrela do Oriente que tem no comando o musicista PauloVik fará apresentação.

O Homenageado

Nascido em 16 de outubro de 1940, Francisco Pedro Cardozo, filho de Maria Enerstina Cardoso e Pedro Francisco Cardozo, teve quatro filhos: Maria Luiza, Gilson, Mario (in memoria) e Marcio e 7 netos: Tábita, Tálita, Tiago, Camila, Bruna, Matheus e Diogo.  Ao longo de sua vida, seu Francisco ou Chiquinho Cardozo como era mais conhecido, passou muito trabalho, mas, nem por isso, perdeu a fé e a esperança de que um dia conseguiria realizar todos os sonhos. Começou a trabalhar desde muito cedo em uma madeireira localizada em Bom Jardim da Serra (SC) e após tanto aprendizado resolveu montar a sua própria madeireira, a Madeireira Cardozo. Paralelamente idealizava outros projetos e claro, muitos deles foram colocados em prática como a criação do posto de combustível “Posto Cardozo” e a criação de uma loja voltada para materiais de construção, o “Comercial Cardozo”.  Chiquinho, tinha muito apreço por seus gados, os quais continuam até hoje pelos pastos do Loteamento Nova Orleans, local do qual ajudou a crescer e proporcionar às novas famílias sua mais nova morada. Francisco Pedro Cardozo faleceu em 14 de setembro de 2020 no Hospital São João Batista em Criciúma.

Colaboração: Debora Legnani

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-