19 junho 2021 - 12:25

Municípios correm o risco de ficar fora do mapa do turismo

Representantes das pastas de turismos da região da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (AMREC), da Associação dos Municípios da Região de Laguna (AMUREL), Sebrae e entidades não governamentais estiveram reunidos no último dia 21/05, para tentar solucionar problemas administrativos da Instância de Governança Encantos do Sul. O grande temor dos municípios é que boa parte da região volta a ficar fora do mapa de regionalização do turismo, do Governo Federal
A reunião foi na sede da AMREC, contou com a presença do presidente, Jorge Koch, da conselheira estadual de Turismo de Santa Catarina, Anny Bagio (representa a região no conselho de turismo), e dos diretores executivos da AMREC e da AMUREL, Nelson Silva e Celso Heidemann. Conforme o presidente do colegiado de cultura e turismo da AMREC, Ismail Ahmad Ismail, se os municípios ficarem fora do mapa, implicaria o impedimento de recursos para o setor nos próximos dois anos.
Na próxima semana o presidente da AMREC deve liderar uma comitiva que vai até a Santur, que pede o reconhecimento dos grupos enquanto Associação de Municípios, não dependendo da Instância de Governança Encantos do Sul.

O que é a Encantos do Sul

É uma Instância de Governança, que agrega governos municipais, instituições de ensino, ONGs, profissionais liberais, meios de hospedagem, restaurantes e toda a cadeia produtiva do turismo, de 32 municípios da região sul do Estado de Santa Catarina.
Fazem parta da Encantos do Sul os municípios de Armazém; Braço Norte; Balneário Rincão; Capivari de Baixo; Cocal do Sul; Criciúma; Forquilhinha; Garopaba; Grão Pará; Gravatal; Içara; Imaruí; Imbituba; Jaguaruna; Lauro Muller; Laguna; Morro da Fumaça; Nova Veneza; Orleans; Paulo Lopes; Pedras Grandes; Pescaria Brava; Rio Fortuna; Santa Rosa de Lima; São Ludgero; São Martinho; Siderópolis; Sangão; Treze de Maio; Treviso; Tubarão e Urussanga.

Fonte: Amrec

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-