13 abril 2024 - 4:55
- Anúncio -

MPSC apresenta denúncia contra mulher que teria matado o namorado por atropelamento em Criciúma

Acusada tem 33 anos e responderá pelo crime de homicídio qualificado

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) apresentou denúncia contra Bruna Elias Bon, de 33 anos. A ré é acusada de atropelar seu namorado, causando a morte da vítima, em Criciúma. A denúncia do Promotor de Justiça Fernando Rodrigues de Menezes Júnior, da 13ª Promotoria de Justiça, pede a condenação pelo crime de homicídio doloso qualificado, quando há intenção de matar.

Conforme a denúncia, em 19 de novembro de 2022, por volta das 23h30, no Centro de Criciúma, a denunciada, na condução de um veículo, teria matado o namorado, atropelando-o inúmeras vezes em uma via pública. Consta no laudo pericial que o atropelamento causou escoriações, fraturas, contusões e lacerações que levaram o homem à morte em 28 de novembro de 2022, após uma infecção generalizada por politraumatismo.

O homicídio teria sido cometido por motivo fútil, por conta de uma discussão prévia entre a vítima e a denunciada pelo fato de o namorado não querer entrar no carro e preferir seguir a pé, o que fez com que ela supostamente o perseguisse e jogasse o veículo contra ele.

Além disso, a denunciada teria feito uso de recurso que dificultou a defesa da vítima, tendo em vista que, segundo o Promotor, o namorado não podia esperar que a denunciada conduzisse o veículo na contramão de direção e viesse a atingi-lo.

A denúncia já foi recebida pelo Juízo da 1ª Vara Criminal de Criciúma. Agora, a denunciada passa a ser considerada ré na ação penal, na qual terá amplo direito à defesa e ao contraditório.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social – Correspondente Regional em Criciúma

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-