9 agosto 2022 - 8:57

Modelo Italo Ravelle, de Joinville, conquista mundo da moda ao dar visibilidade ao albinismo

O modelo Italo Ravelle (@italoravelle), de 25 anos, de Joinville, irá contar em uma live os desafios e as conquistas da sua carreira, marcada por quebrar estereótipos e dar visibilidade ao albinismo. Será no dia 27 (quarta-feira), às 19h, no instagram @userockfella. Ele será o primeiro convidado do quadro “Histórias que Inspiram”, idealizado pela marca Rockfella Moda Rock’n Cult (@userockfella), em parceria com a agência de modelos Gas Models (@gasmodelsfloripa), da qual ele faz parte – ambas empresas são de Florianópolis.

A iniciativa visa divulgar histórias inspiradoras de modelos da agência que vêm se destacando por fugirem do padrão convencional do mundo da moda e defenderem a bandeira da inclusão. As próximas lives serão com outros profissionais que também têm representatividade em temas específicos como: Madu Rosa @maduardars (autismo), André Gaiad @andre.gaiad (étnico), DJ Scher Souza @sc.her (feminismo), entre outros.

Italo conta que a sua carreira começou de repente, quando estava caminhando pelas ruas de São Paulo e foi abordado por um fotógrafo. Logo após os primeiros trabalhos, o conceituado estilista Alexandre Herchcovitch o chamou para um desfile. O modelo foi o primeiro albino a atuar para a marca e depois também o pioneiro no São Paulo Fashion Week. Ele fez ainda campanhas para marcas de peso como O Boticário e Banco do Brasil.

“Algo interessante é que com o meu trabalho, o público albino passou a se sentir incluído e representado. Muitas destas pessoas começaram a acreditar em si mesmas. Ajudei, inclusive, muitas a iniciarem na carreira. Isso é muito importante, pois os albinos ainda têm vergonha em relação à reação das pessoas. Há muito preconceito ainda”, conta.

Italo explica que os albinos sequer estão nas opções de etnias dos vestibulares. “Somos desconhecidos, a maioria das pessoas não sabem quem somos. Não é admissível que em pleno ano de 2022, esse assunto seja esquecido. É uma luta muito grande. Mas acredito que esteja mudando e será diferente para meus filhos e netos”, afirma.

Sobre o projeto – As lives “Histórias que Inspiram” fazem parte do projeto “Marcas com Propósito”, que tem como objetivo reunir empresas e pessoas que defendam valores como respeito à diversidade, inclusão e justiça. “A Rockfella leva a filosofia e atitude do rock para a moda em seu vestuário, buscando quebra de paradigmas, gerando impacto social positivo, em busca de incentivar uma sociedade com mais respeito com o ser humano e o meio ambiente”, afirma Rafael. As camisetas da marca abordam ainda momentos históricos, movimentos sociais e emoções/reflexões sobre o dia a dia.

Já a Gas Models vem se destacando nacionalmente por ter um casting composto por modelos com representatividade, que fogem do padrão convencional, defendem causas e inspiram/influenciam pessoas. “Quando fomos convidados para o projeto, vimos que tinha tudo a ver conosco, pois sempre buscamos profissionais (modelos) que possam representar inclusão e reflexão. Os valores e propósitos da Rockfella estão bem dentro de tudo isso”, afirma Andrea Damiani.

SERVIÇO

Projeto Marcas de Propósito – Ação: lives Histórias que Inspiram

Data: 27 de julho

Participante:  modelo Italo Ravelle (defesa da visibilidade do albinismo)

Horário: 19h

Onde: instagram @userockfella

Informações: 99814-0084 (Rafael)

Colaboração: Roberta Sandreschi – Amplocom

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-