15 julho 2024 - 9:39
- Anúncio -

Governo de SC autoriza a concessão de uso e exploração do Mirante da Serra do Rio do Rastro

Na abertura do roteiro com uma série de entregas do Estado para a Serra catarinense, o governador Jorginho Mello assinou, nesta quinta-feira, 20, o decreto que autoriza a concessão do Mirante da Serra do Rio do Rastro, um dos pontos turísticos mais icônicos do estado. A iniciativa faz parte de um plano estratégico para melhorar a infraestrutura e os serviços oferecidos aos visitantes, garantindo uma experiência mais segura e agradável. O evento aconteceu em Bom Jardim da Serra e reuniu diversas autoridades locais e estaduais.

“Vamos colocar a Serra catarinense no patamar que ela merece. Temos cidades com vários locais de visitação, bons vinhos e uma culinária espetacular. Precisamos divulgar mais tudo isso e atrair mais turistas para a região. Esse passo que estamos dando hoje aqui com o mirante é o início da transformação que vamos fazer”, disse o governador Jorginho Mello.

Do mirante, localizado em Bom Jardim da Serra, é possível contemplar a Serra do Rio do Rastro, famosa por seu trajeto sinuoso cortando as montanhas. A concessão visa atrair investimentos privados para modernizar o local, implementar novos serviços e potencializar o turismo na região. O edital prevê a administração, operação e manutenção com a expectativa de investimentos significativos em infraestrutura e serviços.

O processo de concessão foi construído pela secretaria de Estado da Fazenda, secretaria de Estado do Turismo e SCPar. O Governo do Estado ouviu as demandas das comunidades envolvidas, por meio de audiência pública, e fez a reestruturação do projeto, que havia sido iniciado em 2021. A AMURES – Associação dos Municípios da Serra Catarinense também auxiliou na elaboração da minuta da licitação.

Na Parceria Público Privada a empresa vencedora se compromete a investir parte da sua receita em ações de conscientização e preservação do meio ambiente. A licitação prevê ainda que o projeto terá que garantir acesso gratuito dos visitantes ao mirante.

O governador Jorginho Mello destacou a importância do projeto para o desenvolvimento econômico e turístico da região.

“A Serra do Rio do Rastro é um patrimônio natural de Santa Catarina, e queremos proporcionar uma estrutura que esteja à altura de sua beleza. A concessão vai permitir que investidores tragam melhorias, aumentando o conforto e a segurança dos turistas, além de fomentar a economia local com a geração de empregos e renda”, afirmou o governador.

A expectativa é que o processo de concessão atraia empresas com experiência em gestão de destinos turísticos, garantindo um serviço de qualidade e sustentável. O secretário de Estado do Turismo, Evandro Neiva, ressaltou que a concessão do Complexo do Mirante da Serra do Rio do Rastro faz parte de uma série de ações voltadas para fortalecer o turismo em Santa Catarina, valorizando seus recursos naturais e culturais.

“O novo projeto ficou mais atrativo aos investidores privados, por reduzir o investimento mínimo obrigatório, que inicialmente era previsto para mais de R$ 100 milhões. Um investimento de valor obrigatório tão alto, além de afastar da competição boa parte dos investidores, inclusive os investidores catarinenses, acabaria por forçar a realização de obras de grande porte, que não é o que nós queremos para o local. A ideia é ter uma estrutura integrada com a natureza”, esclarece o secretário de Turismo Evandro Neiva.

Em breve o edital estará disponível para consulta pública e as empresas interessadas poderão apresentar suas propostas nos próximos meses. Com a conclusão do processo, o governo espera que as obras de melhoria comecem ainda este ano, transformando o Mirante da Serra do Rio do Rastro em um destino turístico de referência nacional e internacional.

Por: Osvaldo Sagaz | Secom

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-