21 maio 2024 - 5:13
- Anúncio -

Fenaj e sindicatos de jornalistas lançam campanha pela aprovação da PEC do diploma na câmara

Representantes de 26 dos 31 Sindicatos de Jornalistas filiados à Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) e diretores da entidade participaram na terça-feira (21/03) da Plenária de Organização da Luta pela PEC do Diploma de nível superior específico para o exercício da profissão.

A presidenta da Federação, Samira de Castro, destacou que é o momento de as entidades representativas da categoria priorizarem a luta pela reconstrução dos direitos dos jornalistas, começando pela volta do diploma de nível superior específico como critério de acesso à profissão.

“A queda do diploma não só possibilitou a precarização do trabalho como reduziu a qualidade do Jornalismo brasileiro, abrindo espaço para a desinformação e o discurso de ódio e interferindo no direito à informação”, ponderou Samira, afirmando que, portanto, essa é uma luta de toda a sociedade.

As ações coordenadas pela FENAJ já iniciam esse mês e irão se intensificar em abril, quando se comemora o Dia do Jornalista. Os Sindicatos farão debates, rodas de conversa, lives e outras atividades em conjunto com as faculdades de Jornalismo nos estados e municípios, além de mobilização permanente junto aos deputados federais nas suas bases e em Brasília.

“A participação de toda a categoria será fundamental para a reconquista do nosso diploma e de outros direitos!”, lembrou Samira na plenária sindical, que contou com a participação de quatro ex-presidentes e hoje diretores da FENAJ: Beth Costa, Sérgio Murillo de Andrade, Celso Schroder e Maria José Braga. “Essa luta já foi vitoriosa em 2012, quando a PEC foi aprovada por ampla maioria de votos no Senado. Então, vamos trilhar o caminho que foi já pavimentado por Sérgio, Celso e Zequinha”, pontou a atual presidenta.

CONFIRA OS PONTOS DA NOSSA LUTA:

🔹No atual cenário de deterioração da qualidade das notícias e seu impacto no direito à informação e na democracia brasileira, a FENAJ retomou a luta pela volta do diploma em Jornalismo como critério único e impessoal de acesso à profissão.

🔹A necessidade de uma formação sólida, que garanta conhecimentos teóricos, competências e habilidades técnicas e comprometimento ético ao profissional é uma consequência lógica da defesa do Jornalismo e da profissão de jornalista.

🔹A categoria sofreu um golpe do Judiciário brasileiro, que atendeu as entidades representativas da grande mídia e extinguiu a exigência do diploma para o exercício da profissão, numa decisão do STF em 2009.

🔹Em 2012, uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) restabelecendo essa exigência foi aprovada no Senado, por ampla maioria de votos. Mas a chamada PEC do Diploma está parada na Câmara dos Deputados. Vamos mobilizar o parlamento para que essa matéria seja aprovada!

Fonte: Fenaj Sindicato Dos Jornalistas de Santa Catarina

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-