5 agosto 2021 - 2:17

Feira da Agricultura Familiar volta após mais de um ano apenas com delivery

Agricultores da região ofertaram diversos produtos em frente à prefeitura

A Feira da Agricultura Familiar foi realizada nesta quinta-feira (8) em frente ao Paço Municipal Marcos Rovaris. Iniciado às 8h30 com uma apresentação musical, o encontro reuniu dez agricultores locais. A feira foi presencial pela primeira vez em mais de um ano. Embutidos, panificados, doces, bolos, biscoitos, frutas, verduras, dentre outros, estavam disponíveis para compra.

O prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, destacou a importância regional do evento. “Os feirantes vieram expor uma variedade de produtos, o que mostra o potencial e a qualidade da nossa agricultura familiar”, afirmou. “Esse contato direto desenvolve confiança entre os consumidores e vendedores, principalmente após tanto tempo no formato de delivery”.

O gerente de Agricultura e Negócios de Criciúma, Vanderlei Zilli, demonstrou-se contente em acompanhar a volta. “Não medimos esforços para fazer esse retorno da melhor forma possível, é muito satisfatório reviver essa experiência”. Segundo Zilli, os próximos passos são fazer a feira mensalmente e verificar com os agricultores a possibilidade de levá-la aos demais parques municipais.

Jorge Martinello e sua filha Geovana, que participam desde a 1ª edição do evento na prefeitura, ofertaram queijos e embutidos como linguiça e salame colonial. “Podemos apresentar nossos produtos diretamente, trazendo um pouquinho do campo para a cidade”, afirmou Geovana. “É uma oportunidade de conquistar clientes e uma renda a mais”, complementou seu pai.

Moradora da cidade, Edna do Nascimento chegou ainda de manhã para levar para casa alguma das variedades. “Já vim outras vezes nos últimos anos, e descobri a volta da feira essa semana pelas redes sociais. Comprei um bolo muito bonito e também biscoitos”.

Orquestra de metais do Bairro da Juventude

Abrindo o evento pela manhã, a Orquestra de metais do Bairro da Juventude prestigiou a todos com uma apresentação. No repertório havia desde músicas populares do baião nordestino, como Asa Branca, de Luiz Gonzaga, a clássicos do rock, como Sweet Child O’Mine, dos Guns N’ Roses. “Este grupo, com crianças de nove a dez anos, está ensaiando junto faz cinco meses, e tem se saído muito bem”, conta o professor e maestro, Fábio Matias. A orquestra, coordenada por Lezi Zilli, foi criada há oito anos. A banda é formada por dez músicos mirins nos instrumentos trompete, saxofone, trombone, bombardino e clarinete, além de Matias na bateria.

A iniciativa foi promovida pela Gerência de Agricultura e Negócio em parceria com a Epagri (Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de SC), e com agricultores locais. Ao fim do evento, ainda ocorreu o sorteio de uma cesta de alimentos, feita com uma colaboração de cada feirante, e de um kit de churrasco. A cada R$ 15,00 em compras, os clientes ganhavam um cupom para concorrer aos brindes.

ASCOM de Criciúma

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-