1 março 2024 - 9:29

Feagro 2022 é aberta oficialmente

A expectativa é que pelo menos 50 mil pessoas passem pelo Parque Huberto Oenning

A maior feira de exposição do gado Jersey da América Latina, a Feagro, foi aberta oficialmente na noite de quinta-feira, 07 de julho, em Braço do Norte. A expectativa é que pelo menos 50 mil pessoas passem pelo Parque Huberto Oenning nos quatro dias do evento e haja uma movimentação de R$ 60 milhões em negócios.

O prefeito, Beto Kuerten Marcelino, destacou a importância da feira para o Município. “A Prefeitura é a principal parceira da feira, com investimento de R$ 500 mil. Nós acreditamos no agro, em tudo que ele representa e a maior prova da importância é o sucesso que a feira é”, comentou.

No ato de abertura o presidente da festa Adir Engel, ao fazer uso da palavra ressaltou após as saudações iniciais, “que é quase sem palavras o que podemos dizer neste momento. Só temos de agradecer. Para termos uma ideia do que será a Feagro de 2022, basta salientar que nunca tivemos uma abertura com tantas pessoas. Isso nos enche de orgulho toda a direção”.

Representando o governador do estado Carlos Moises, o Secretário de Agricultura Ricardo Mioto “Eu estive em 2004 na primeira Feagro, e acompanhei as demais. Por isso gostaria de salientar que me sinto em casa aqui. Gostaria de trazer aqui o reconhecimento do Governador ao serviço que é prestado pelos produtores rurais do vale de Braço do Norte, empresários, cooperativas e Poder público, que tem a coragem de organizar um evento como este”, ressaltou. Ele encerrou comentando as dificuldades enfrentadas pela cadeia para produzir o alimento que chega à mesa das famílias e comentou que o governador estará na Feagro no próximo sábado.

Presidente do Legislativo, Reitor do Unibave, representantes de entidades de créditos e do gado Jersey, entre outros também marcaram presença e pronunciaram-se na abertura. Acompanhe no vídeo:

Após dois anos sem edições o evento acontece até domingo, dia 10. Com um novo layout, a feira terá voo panorâmico no domingo (dia 10 de julho), maior área de estacionamento, espaço Djalma Marcelino e apresentações. Já as palestras foram transformadas em workshops, com cerca de uma hora de duração, e o auditório para 50 pessoas ficará no estande da piscicultura.

Por: Gerciana Ascari – Imprensa News Sul

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-