13 abril 2024 - 3:21
- Anúncio -

Descarte errado de lixo revolta comunidade de São Ludgero

Para o morador Everton Schraiber, a ação é inaceitável e gera muita indignação.

Mais uma vez, mesmo tendo local apropriado para depositarem os lixos secos, o descarte errado revoltou os moradores de São Ludgero. Aconteceu no acesso à comunidade de Grota Funda, as margens da Estrada Geral Bom Retiro. Para o morador Everton Schraiber, a ação é inaceitável e gera muita indignação.

Com o objetivo de oportunizar o armazenamento do lixo de forma mais segura ao ser humano e contribuir diretamente com a preservação do meio ambiente, a Prefeitura de São Ludgero ao longo dos últimos anos, investiu em construções de espaços fechados e cobertos nas comunidades do interior para que as famílias depositassem os lixos secos em sacolas e ficassem protegidos até o recolhimento.

O morador da Gruta Funda informa que por várias vezes passou pelo local e tinha lixo jogado ao lado da construção. Então, ele parou o carro, ajuntou e colocou no local, corretamente. “Só que agora foi de ficarmos indignados. Jogaram ao lado até inúmeros recipientes de remédios e, inclusive, móveis velhos. Sabem que não pode”, ressalta.

A equipe da Prefeitura esteve no local para recolher o lixo espalhado ao redor da construção, mas alguém já tinha recolhido. Aproveitaram para recolher os móveis velhos e deixar, novamente, o local limpo.

O Secretário de Agricultura, Comércio, Indústria e Turismo, Paulo Sérgio Lorenzetti, lembra que situações parecidas já aconteceram em outras comunidades. “No Bom Retiro chegaram a jogar restos de animais e, na comunidade do Morro do Cruzeiro, restos de peixes”, enfatiza. Ele completa dizendo que a impressão que se tem é que estão com preguiça de saírem dos veículos e colocarem os lixos corretamente no local.

As construções fechadas são somente para colocar lixo seco como papel, plástico, metal e vidro, embalagens de papelão, potes, garrafas, latinhas etc…Não é para depositar eletroeletrônicos, sucatas, restos de comida, animais e móveis.

Para o prefeito de São Ludgero, Ibaneis Lembeck, o Iba, as pessoas precisam ser mais conscientes. “Ao longo dos últimos anos ampliamos a coleta de lixo nas comunidades do interior, investimos na construção de locais fechados e seguros para colocação dos lixos secos. O poder público está fazendo a sua parte e acredito que as pessoas que estão fazendo isso devem rever suas atitudes. Juntos, podemos construir uma cidade cada vez melhor, mais limpa, organizada e bonita”, pontua o prefeito.

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-