13 junho 2024 - 5:41

Cidasc e Cooperativa Regional Auriverde firmam parceria para o Programa Campo Limpo

O programa será executado ao longo de 2024 nos municípios de São Carlos e Cunhataí.

O Departamento Regional da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) de Chapecó e a Cooperativa Regional Auriverde, aproveitaram a abertura da Expainco 2024, na cidade de São Carlos, para a apresentação do Programa Campo Limpo, de iniciativa da Auriverde, que prevê a realização de atividades voltadas à preservação ambiental no meio rural.

Cidasc e Cooperativa Regional Auriverde firmam parceria para o Programa Campo LimpoO programa, que contará também com a participação da prefeitura municipal de São Carlos, será executado ao longo de 2024 nos municípios de São Carlos e Cunhataí. Entre as atividades planejadas estão reuniões com produtores rurais, palestras em escolas de nível fundamental e técnico, além de ações de conscientização sobre o uso responsável de agrotóxicos e a devolução adequada de embalagens vazias de agrotóxicos.

A Cidasc ficará encarregada das ações relacionadas à educação sanitária, fortalecendo iniciativas já em curso e estabelecendo novas parcerias com a Auriverde. Serão promovidas palestras educativas, fiscalização de propriedades rurais e orientação do público sobre boas práticas agrícolas.

Cidasc e Cooperativa Regional Auriverde firmam parceria para o Programa Campo LimpoPor sua vez, a Auriverde conduzirá campanhas de conscientização entre seus associados, colaboradores e a população em geral, culminando com uma campanha de recolhimento de embalagens vazias de agrotóxicos. O objetivo é assegurar que todas as embalagens de defensivos agrícolas tenham o destino adequado, contribuindo para a preservação do meio ambiente e a saúde pública.

A assinatura do acordo contou com a presença do gestor do Departamento Regional da Cidasc de Chapecó, Ivan Niederle Ulsenheimer, o vice-presidente da Auriverde, Daniel Ferrari, o prefeito de São Carlos, Rudi Miguel Sander, a responsável pelo departamento técnico da Auriverde, a engenheira-agrônoma Cristina Pimmel, e outras autoridades locais e regionais.

Por Alessandra Carvalho: Assessoria de Comunicação – Cidasc

- Anúncio -
-Anúncio-