18 setembro 2021 - 10:41

Centro Educacional Meta de Orleans promove palestra alusiva ao Setembro Amarelo

Os alunos do Fundamental II do Centro Educacional Meta de Orleans, participaram nesta segunda-feira, 13 de setembro, de uma palestra de conscientização alusiva ao Setembro Amarelo, mês da Prevenção ao Suicídio.

A Campanha Setembro Amarelo tem por objetivo prevenir e reduzir os números de casos e alertar para importância da prevenção. A palestra foi ministrada pelos psicólogos Simone Moraes e Carlos Macieski Matuchaki.

O Coordenador do Fundamental II do Meta Jeferson M. Briguenti, pontuou que a palestra foi realizada através de uma parceria entre o Meta a Ordem DeMolay, Capítulo N° 747 e Unibave, e egressos do curso de Psicologia do Unibave. E teve o objetivo oportunizar aos alunos receber orientações sobre o tema.

A Coordenadora do curso de Psicologia  Maria Vandreça Vigarani Dorregão frisou. “Em tempos tão desafiadores, precisamos falar sobre quão importante é cuidar da nossa Saúde Mental, e ter esse espaço no ambiente escolar é muito gratificante. Agradecemos ao Colégio Meta pela oportunidade e principalmente aos nossos egressos, a Psicóloga Simone e o Psicólogo Carlos, que conduziram brilhantemente a palestra, compartilhando suas experiências e conhecimentos”.

Um dos palestrantes, o Psicólogo Carlos Macieski Matuchaki ressaltou que “Ações como o Setembro Amarelo e a importância de falarmos do cuidado a nossa Saúde Mental são de grande importância quando olhamos para momentos desafiadores e grandes adversidades. A Saúde Mental importa e é gratificante ver espaços como o ambiente escolar, aberto para diálogos que visem a promoção de Saúde Mental”.

A Psicóloga Simone Moraes ressaltou que “é necessário desconstruir tabus sociais em torno das questões sobre a Saúde Mental, levar informações a todos os públicos principalmente a crianças e adolescentes, que é o caminho para a construção de uma sociedade mais saudável em todos os aspectos. Falar sempre é a melhor solução, que a campanha em torno do Setembro Amarelo seja um lembrete e um convite para “salvar vidas” todos os dias, seja pedindo ajuda ou estendendo a mão para quem precisa.

Ambos os palestrantes teceram agradecimentos a coordenação do curso de Psicologia do Unibave e ao Colégio Meta por abrir espaço ao tema.

Saiba Mais

Você sabe porque setembro Amarelo?

Mike, um jovem de 17 anos, nos Estados Unidos, tinha grande paixão pelo seu Ford Mustang. Ele o reformou e o pintou de amarelo.

Mike tinha sinais de depressão, porém não conseguia pedir ajuda e ninguém notava. Mike acabou tirando sua própria vida dentro do seu passatempo favorito, seu Mustang.

Durante o enterro, os pais distribuíram cartões com fitas amarelas para todos os que estavam presentes. No cartão estava escrito a frase “se você está pensando em suicídio, entregue este cartão a alguém e peça ajuda”.

Uma pessoa que estava no funeral espalhou os cartões pela cidade, e em semanas os pais de Mike começaram a receber ligações pessoas de todo o estado pedindo ajuda. Pouco tempo depois a iniciativa ganhou repercussão nacional.

Desde então começaram várias campanhas de prevenção pelo mundo, e, em todas, a cor amarela é usada para representar a campanha a fim de homenagear o jovem.

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-