26 setembro 2020 - 11:25

Auriverde realiza prestação de contas na região Sul de Santa Catarina

A Auriverde realizou nesta semana na região Sul de Santa Catarina, pós-assembleia, com uma ampla pauta que inclui a divulgação dos resultados de 2019 e Balanço Geral do Exercício.

Presidente da Auriverde, Claudio Post

Na oportunidade o presidente Claudio Post realizou a apresentação do balanço da Auriverde – exercício 2019, além da apresentação das metas para este ano e os nomes do Conselho de Administração do qual foi eleito e tomou posse durante a Assembleia Geral Ordinária (AGO), realizada no último dia 28 de fevereiro, na S.E.R Auriverde, em Cunha Porã.

Post iniciou sua prestação de contas ressaltando atuação da Auriverde, que conta com 670 colaboradores e 4.800 sócios, e está no mercado há 52 anos.

Utilizando gráficos ele apresentou de forma detalhada a movimentação anual de cada setor de atuação da cooperativa e os investimentos realizados.

“Nós estamos hoje com uma boa participação, um grande percentual de associados vem nas pros-assembleias e conhece a Cooperativa e fica informado sobre suas atividades, o que é muito importante para o nosso trabalho”. “A região Sul apresentou crescimento ano a ano nos últimos três anos. A região apresenta grande potencial e se conseguirmos implantar as metas para 2020, deveremos superar os 100 milhões”. Pontuou Post.

Ao comentar sobre as ampliações das fabricas de rações, ressaltou que a unidade de Orleans esta  sendo ampliada para suprir a demanda.

O faturamento 2019 atingiu R$  663.084.456.44 milhões. O balanço está disponível no Site da Cooperativa Auriverde, comentou o presidente Cláudio Post.

 

As metas para 2020

Superar o faturamento e atingir 700.000,000,00;

Unidade central de secagem, armazenamento de cereais e fabrica de rações no município de maravilha;

Aprovação do projeto, licenças, orçamento e captação de recurso;

Indústria de panificação de pequeno porte;

Transferência do posto de resfriamento de leite para Orleans;

Ampliação a Avicooper;

E abertura de quatro (4) filiais.

Já no quadro social estão previstos cursos de venda, atendimento, segurança em 5S. E também formação do quadro social e funcionários.

Ao comentar sobre as metas para a região Sul, Claudio Post pontua que embora ainda não exista uma data definida para início das obras. Mas já temos encaminhado os projetos e o licenciamento para que aconteça. “Nós esperamos que possamos iniciar a construção já no primeiro semestre”, ressaltou.

O laticínio será construído em área adquirida de Auriverde na localidade de Santa Clara, em Orleans.  Post ainda pontuou que além do laticínio existe um projeto para no futuro de transferência da fábrica de ração. Assim também como colocar uma unidade de armazenamento de milho no local.

É importante salientar que a Cooperativa investe também em formação do associado e funcionários, através de programas a exemplo do De olho na Qualidade e o QT Rural, são programas fundamentais que tem dado a diferença. “Em Morro da Fumaça, em depoimento de associados, estes ressaltaram a mudança de cultura que a cooperativa trouxe para a região Sul” pontuou.

Em 2020 estaremos dando ênfase à assistência técnica para atividade leiteira, já que iremos captar o leite aqui na região. “Estaremos fornecendo ao produtor uma ampla assistência técnica e veterinária, para que ele possa crescer na produtividade, pois reconhecemos que o Sul tem um leite de alta qualidade” afirmou Post.

Gerente Regional Sul da Auriverde, Cleverson Luiz Storch

Entre as metas de novas unidades, está a intenção de instalações de uma filial no município de Rio Fortuna. Sobre o papel da Cooperativa, o Gerente Regional Sul da Auriverde, Cleverson Luiz Storch,  afirmou “Nos últimos anos vem segmentando mais as linhas de produtos, a parte da assistência técnica. Vem se desenhando projetos que irão ajudar a desenvolver mais a região. Estamos projetando mais uma filial na região de Rio Fortuna, estamos com projeto do leite, que este ano vai sair. Acreditamos que o papel da Cooperativa está mais ligada a regular o mercado. A base da Cooperativa sempre foi trazer segurança e assistência técnica, para fazer com que o produtor produza mais. Pois se o produtor está forte a Cooperativa será forte ”, salientou.

A Cooperativa traz resultados à região, ela veio para fortalecer.  Hoje 60% dos suínos comercializados saem da região. Para a região estará sendo distribuído mais de um milhão de reais. Deste 961.233.00 para filial de Orleans e para Lauro Müller 95.383,00. São valores de cota capital, destes, mais de 400 mil reais já está nas contas dos produtores. Vale ressaltar que este valor é proporcional ao movimento do associado produtor.

O vice-presidente “ressaltou que o palestrante Airton Spies – Engenheiro Agrônomo e Administrador já palestrou para mais de dois mil associados e abordara o tema “Perspectivas, desafios e oportunidades do Agronegócio Brasileiro.

Em Orleans a prós-assembleia aconteceu dia 10 de março no salão de festas na comunidade de Barracão. Em Grão Pará dia 11 de março e Morro da Fumaça aconteceu no dia 09 de março.

Em Orleans prestigiaram o evento o secretário da Agricultura Cristóvão Crocetta, o Reitor da Unibave  Elcio Willimann, José Carrer do Sitro de Orleans, membros da Famor e Epagri, entre outras entidades. Além dos associados da Cooperativa de Orleans e Lauro Müller.

Por: Gerciana Ascari – Imprensa News Sul

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-