17 maio 2022 - 3:18

Atleta do Mampituba é campeã Sul-Americana na Argentina:

“Estou muito feliz por essa conquista, esse grande feito”. A fala é da atleta da S.R. Mampituba/FME Criciúma/DME Nova Veneza, Luísa Lummertz. Ela é a mais nova campeã Sul-Americana da Juventude no Salto em Altura. O feito, conquistado no final de semana na cidade de Rosário, na Argentina, não sai da memória da atleta.

“Me tornei campeã Sul-Americana da Juventude e para mim essa conquista é muito importante. Porque estou a algum tempo tentando melhorar minha marca, além disso esse ano é um ano decisivo na minha carreira”, destaca a atleta.

Com um salto de 1,74m, a atleta da S.R. Mampituba/FME Criciúma/DME Nova Veneza bateu o recorde pessoal e do campeonato. Ela deixou para trás Silvina Gil, do Uruguai, que conquistou a prata, e Joaquina Dura, da Argentina.

“Ficamos muito felizes com essa conquista da Luísa. É o resultado de todo o treinamento e esforço realizado por ela e nossa equipe. É uma atleta que já desponta no cenário nacional e essa conquista vem consolidar isso”, ressalta o técnico da equipe, Roberto Bortolotto.

Para o diretor de Projetos e Rendimento do Mampituba, Jorge Fernandez, a conquista é de grande importância e mostra que o projeto de formação de atletas do clube já está colhendo frutos.

“Ficamos muito felizes com essa grande conquista da Luísa e, juntamente, de toda a equipe de atletismo. Nos deixa muito orgulhosos e vai de encontro com o principal objetivo do nosso projeto que é formar atletas”, comenta.

No total, o Brasil conquistou 64 ouros durante os Jogos Sul-americanos Rosário 2022. Foram 147 medalhas conquistadas, sendo, ainda, 40 pratas e 43 bronzes. Desta forma, o país terminou em 1º lugar no quadro de medalhas geral da competição.

O Departamento Municipal de Esportes (DME) de Nova Veneza e a Fundação Municipal de Esportes (FME) de Criciúma são parceiros da equipe de atletismo do Mampituba, a qual é integrante do projeto de formação de atletas que o clube mantém por meio de convênio, através de editais, com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC). Em Criciúma, também há o apoio da Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc).

Texto: Lucas Colombo| S.R. Mampituba

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-