14 junho 2024 - 3:06
- Anúncio -

Após título da Copa Santa Catarina, Fernando Gil, superintendente de futebol do Marcílio Dias, valoriza manutenção do DNA do clube para estadual de 2024

No último mês de agosto, o Marcílio Dias investiu na contratação de um profissional que tem um vasto currículo no futebol catarinense para assumir a função de superintendente de futebol. Trata-se de Fernando Gil, de 42 anos, e que carrega experiências profissionais em: Figueirense, Avaí, Joinville, Criciúma, Chapecoense, Barra, Camboriú, Hercílio Luz e Atlético Tubarão.

A aposta da diretoria marcilista foi assertiva e gerou um resultado positivo para o clube. Afinal, o Marcílio Dias foi o campeão da última Copa Santa Catarina e, assim, garantiu vaga na Copa do Brasil de 2024. Além do sucesso na categoria profissional, Fernando Gil ajudou também nas categorias de base ao fomentar a reativação da base do Marinheiro. O projeto também gerou resultado e o clube de Itajaí foi o campeão da Copa Santa Catarina Sub-17. “Quando cheguei, a categoria de base do clube estava desativada e reforcei com a diretoria a importância de reativarmos. Participei do processo de criação do time Sub-17 e conquistamos o título da Copa Santa Catarina. A ideia agora é montarmos também uma equipe Sub-20 com o objetivo de criarmos ativos dentro do clube para que o Marcílio Dias consiga andar sozinho na negociação desses atletas, que, por ventura, também podem reforçar o elenco profissional. É preciso enaltecer o trabalho da diretoria marcilista que está acreditando que esse é o futuro do clube”, destacou Fernando Gil, que fora de Santa Catarina também trabalhou no: Paraná, Luverdense e América de Natal.

Campeão da Copa Santa Catarina, o Marcílio Dias voltará a campo no próximo dia 16 de janeiro, fora de casa, contra o Criciúma, que foi o campeão catarinense. A partida valerá o título da Recopa catarinense. A menos de um mês para voltar a atuar oficialmente, o elenco rubro-anil está em pré-temporada sob o comando do Waguinho Dias. Para Fernando Gil, um dos grandes méritos para 2024 na montagem do elenco foi a manutenção da identidade do time. “Estudei muito ao assumir a superintendência de futebol do Marcílio Dias e percebi que o DNA do clube é que os times vencedores sempre tiveram jogadores comprometidos com o processo. Foi com esse perfil que buscamos jogadores na Copa Santa Catarina e fomos campeões. Mantivemos 14 atletas da campanha do título e as contratações que chegaram para 2024 mantém o mesmo perfil. O resultado não conseguimos controlar, mas o rendimento dos atletas sim e é nisso que estamos trabalhando para que o Marcílio Dias faça um grande estadual e volte de vez ao calendário nacional com uma vaga na Série D de 2025”, explicou Fernando Gil, que tem curso de treinador e de executivo na CBF Academy.

Fernando Gil ainda fez questão de valorizar que além do aspecto financeiro, disputar a Copa do Brasil de 2024 será importante para dar uma maior visibilidade ao Marcílio Dias. “Não tivemos vaga na Série D deste ano e não teremos em 2024. Por isso, a classificação na Copa do Brasil foi importante, pois é uma competição atrativa e de grande repercussão. Conseguimos essa classificação montando uma equipe competitiva, mesmo sem ter muitos recursos. Uma folha enxuta, que obteve sucesso e que nos deu uma ótima base visando a próxima temporada”, finalizou.

Colaboração: Arthur Virgílio – AV Assesoria

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-
<