15 julho 2024 - 9:14
- Anúncio -

Agricultoras de Joinville visitam São Ludgero e conhece gestão da Feira de Produtos Coloniais

Um total de 16 mulheres agricultoras que integram o projeto “Mulheres em Ação: Flor-e-Ser”, da região de Joinville, acompanhadas de profissionais da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), estiveram visitando São Ludgero e conheceram o funcionamento e gestão da Feira de Produtos Coloniais que é feita pela Cooperativa de Mulheres Agricultoras e Artesãs de São Ludgero (Cooperação).

       Elas foram recepcionadas às 9 horas no Auditório Municipal, na sede da Prefeitura, pela presidente da Cooperação, Salete Soethe Füchter, sua filha Rafaela Füchter, demais integrantes da cooperativa, e pelo prefeito de São Ludgero, Ibaneis Lembeck, o Iba. Na ocasião, conheceram a história da Cooperativa, seu desenvolvimento, as dificuldades superadas, o funcionamento da gestão de forma geral, a parceria com o Poder Público Municipal, e a comercialização dos produtos por meio da Feira de Produtos Coloniais, a conhecida Feirinha, no centro da cidade. Logo após, conheceram in loco o funcionamento da feira e a variedade de produtos comercializados nas quartas, sextas e sábados.

     Recentemente, a Cooperação mudou o local de funcionamento da Feira de Produtos Coloniais. Num ambiente muito maior e com o mesmo acolhimento cheio de calor humano passou a funcionar na esquina entre as ruas João Wessler e Joinville, em frente a Becker Móveis. São mais de 550 itens entre hortaliças, panificados, bolos, geleias, chás, tortas, bolachas, frios, ovos e orquídeas, tudo produzido com muito amor e carinho direto das famílias rurais. A Feira de Produtos Coloniais surgiu, oficialmente, em São Ludgero em 12 de junho de 2006.

Colaboração : Bertoldo Kirchner Weber/Assessor de Comunicação Município de São Ludgero

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-