21 maio 2024 - 11:40
- Anúncio -

Ações contra a exploração sexual de crianças e adolescentes são realizadas em São Ludgero

Hoje é 18 de maio, dia que marca a necessidade de fortalecer o compromisso na luta contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes. São Ludgero, por meio da Rede de Proteção em parceria com a Secretaria de Assistência Social e Habitação, realizou, realiza e realizará ações de orientação e conscientização. Uma delas trata-se de um trabalho com os alunos do Centro Educacional Professor Henrique Buss, que integra a Rede Municipal de Ensino.

No município de São Ludgero, por meio da Rede de Proteção, integrada por entidades, profissionais e instituições, ações são planejadas para promover e resguardar os direitos de crianças e adolescentes.

A primeira ação foi realizada no mês de março quando aconteceu a formação de aproximadamente 400 profissionais sobre a revelação espontânea que é quando a criança ou adolescente aborda um profissional e relata espontaneamente que foi ou está sendo vítima de violência ou presenciou algum ato de violência. Pode acontecer na escola ou em qualquer outro espaço frequentado por este público.

A segunda ação foi o uso da tribuna na Câmara de Vereadores no dia 15 de maio quando foram apresentados os indicadores sobre as violências, de forma especial sobre a violência sexual contra crianças e adolescentes.

A terceira ação de mobilização já aconteceu no mês de maio, no Centro Educacional Professor Henrique Buss, nas turmas do 1º e 2º ano, com intuito de levar informação sobre as formas de proteção e de denúncia pelas próprias crianças e adolescentes. No mês de setembro, acontecerá outra ação visando o mesmo objetivo, com as turmas do 3º, 4º e 5º ano.

E, a quarta ação, está programada para acontecer no mês de junho e também é relacionada a capacitação. Trata-se de uma formação especializada de profissionais que integram a Rede de Proteção para a realização de escuta especializada.

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Valdira Matias, e o Secretário de Assistência Social e Habitação, Valcemir Villani, enfatizam que a conscientização em relação ao combate e a exploração sexual de crianças e adolescentes é um trabalho contínuo ao longo do ano. “Quanto maior a sensibilização da população e divulgação, maior será o avanço em relação a minimização da exploração. Em São Ludgero, foi decidido em conjunto, este ano reforçar o investimento em capacitação de profissionais que integram a Rede de Proteção”, pontuam.

O 18 de maio foi instituído pela Lei Federal 9.970/00 e demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes em todo território brasileiro. A proposta do “18 de maio” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes. É preciso garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual.

Por Bertoldo Kirchner Weber: Assessor de Comunicação | Município de São Ludgero

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-