24 outubro 2021 - 9:24
- Anúncio -

Ações através do programa Saúde na Escola (PSE) continuam em São Ludgero nas Redes Municipal e Estadual de Ensino

Com o objetivo de contribuir para formação integral dos estudantes por meio de ações, promoções, prevenção e atenção às condições de saúde, a Secretaria de Saúde de São Ludgero em parceria com a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, segue com o programa Saúde na Escola (PSE), do Governo Federal, nas Redes Municipal e Estadual de Ensino.

       O PSE é uma política intersetorial da Saúde e da Educação, instituído em 2007 e que oportuniza uma interação das Equipes de Saúde da Atenção Básica com as Equipes da Educação, no planejamento, execução e monitoramento de ações objetivando prevenção, promoção e avaliação das condições de saúde dos educandos.

        As ações de 2021 estão acontecendo no mês de setembro e inclui saúde bucal, avaliação antropométrica (peso/altura), promoção de saúde ocular, acompanhamento do calendário vacinal, prevenção Covid-19 e trabalho de conscientização referente ao mosquito Aedes Aegypti. Os Centros de Educação Infantil Irmã Stella, Dom Gregório Warmeling, Divina Providência e na Escola de Ensino Fundamental Bom Retiro são as instituições beneficiadas com o programa, este ano.

         A Coordenadora da Atenção Básica de Saúde em São Ludgero, Enfermeira Maria Madalena Beltrame, esclarece que são vários profissionais envolvidos na realização das ações nas instituições de ensino. “Cada ano acontece uma estratégia e o programa completo possui 12 ações”, ressalta.

       A Secretária de Saúde, Morgana Rech da Silva, diz que o programa ficou um tempo sem ser realizado, especialmente diante da pandemia do Coronavírus. “É um programa de grande importância e por isso vamos dar sequência. Aproveito para agradecer a participação e empenho de todos os profissionais da saúde e da educação”.

       Para a Secretária de Educação, Cultura e Esportes, Maria Marlene Schlickmann, o programa é de extrema importância, inclusive, pela ação preventiva. “É fundamental para melhorar a qualidade de vida dos alunos e da comunidade em geral, principalmente por conscientizar as crianças sobre atitudes e ações em prol de uma vida mais saudável”, detalha a secretária.

Colaboração: Bertoldo Kirchner Webe

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-