18 junho 2024 - 11:39
- Anúncio -

Comunidade de Orleans participa do Fórum Parlamentar em Defesa das Universidades Comunitárias

O evento é a oitava etapa do Fórum Parlamentar em Defesa das Universidades Comunitárias, promovido pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) e coordenado pelo deputado estadual Napoleão Bernardes

Conectados à pauta de defesa das Instituições Comunitárias, mais de 350 pessoas, entre estudantes, professores e colaboradores da região de Orleans, estiveram no Centro de Vivências do Centro Universitário Barriga Verde (Unibave).

O evento é a oitava etapa do Fórum Parlamentar em Defesa das Universidades Comunitárias, promovido pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) e coordenado pelo deputado estadual Napoleão Bernardes. Ele lembrou que universidades comunitárias estão muito mais presentes na vida das pessoas, do que as pessoas podem imaginar. “A Unibave é um grande exemplo disso. Além de ensino, ela oferece pesquisa, para dar mais valor ao setor produtivo. E extensão, que é um braço amigo da comunidade, oferecendo serviço gratuitos, nas áreas em que a comunidade mais precisa”, comentou, reforçando que a instituição comunitária não tem dono, a comunidade é a proprietária.

Para o reitor do Unibave, Guilherme Valente de Souza, o movimento só vem mostrar a força que o sistema comunitário tem. “O quanto é importante numa instituição comunitária, principalmente pelo papel que desempenhou na interiorização do ensino superior, o que levou o nosso estado, que tem só 1% território, mas que desponta nacionalmente a nível de ensino, tecnologia e qualidade de vida”, afirmou o reitor, lembrando que 77% dos acadêmicos do Unibave recebem algum tipo de benefício integral ou parcial.

O prefeito de Orleans, Jorge Koch, foi outra autoridade que esteve presente e frisou que a cidade é feliz por ter uma população de 23 mil habitantes e uma universidade, ressaltando o impacto social que ela representa. “É importante pois ela está presente formando, preparando pessoas. E isso agrega valores. Ela está presente na comunidade, trabalhando, prestando serviços. Está presente constantemente no dia a dia das pessoas e junto a nossa administração. Sem dúvida nenhuma é fundamental fortalecer, porque são elas que fazem o nosso Estado crescer”, comentou o prefeito.

Os presentes estavam, mais uma vez, todos uniformizados e com uma única bandeira: “Somos Acafe”, representando o movimento das 14 instituições de ensino superior que compõem a Associação Catarinense das Fundações Educacionais (Acafe).

A reitora da Unesc e presidente da Acafe, Luciane Bisognin Ceretta, participou do evento de forma remota e lembrou da história das Instituições de Ensino Superior (IES) dando ênfase a todo serviço prestado pela Unibave a região de Orleans e que completará 50 anos em 2024. Na próxima segunda-feira, dia 24, Criciúma receberá mais uma etapa do Fórum, no AM Master Hall.

Por Antonio Rozeng: Unibave

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-