2 dezembro 2020 - 1:25

Sopas: receitas saudáveis aquecem a estação

Nutricionista Letícia Tizziane explica os benefícios dos pratos queridinhos das baixas temperaturas

Para enfrentar as baixas temperaturas, a dica é complementar o cardápio cotidiano com refeições quentinhas. As sopas de feijão, lentilha e ervilha, além de saudáveis, são excelentes alternativas para aquecer o inverno. Também se destacam pelas propriedades nutricionais, que ajudam a regular o colesterol, a aumentar a imunidade e a equilibrar a alimentação. Alguns ingredientes incrementam sabor e inspiram criatividade na cozinha.

Nutricionista do Fort Atacadista Chapecó, Letícia Tizziane. Foto: MB Comunicação

A sopa de lentilha é rica em proteínas, fonte de ferro e de fibra. Conforme a nutricionista do Fort Atacadista Chapecó, Letícia Tizziane, o prato auxilia no combate a anemia, reforça o sistema imunológico, reduz quadros de glicemia contribuindo para o controle da diabetes, evita a formação de placas de colesterol nos vasos sanguíneos e dá mais saciedade e ajuda a regular a pressão arterial. Também é uma boa pedida para quem deseja aprimorar o paladar.

Dahl de lentinhas é uma receita indiana preparada com iguarias picantes, que aquecem o organismo. Geralmente é cozida com os grãos rosa, mas pode ser feita também com a leguminosa marrom. Açafrão e gengibre enriquecem a refeição. Juntos auxiliam na perda de peso, atuam como antioxidante, previnem inflamações, melhoram a saúde mental, cardiovascular e o sistema respiratório.

A tradicional sopa de feijão está entre as favoritas dos brasileiros e traz muitos benefícios à saúde. “Além de saboroso e acessível, o grão preto é rico em ferro e ajuda a proteger as células, prevenir o câncer, combater o colesterol ruim e a anemia. Também evita o aparecimento de coágulos sanguíneos, prevenindo os infartos”, destaca a nutricionista.

Muitas receitas contemplam uma forte aliada. Para deixar a sopa de feijão ainda mais saborosa, a rúcula ou a couve são acompanhamentos indispensáveis devido aos seus nutrientes, que contribuem para a saúde ocular, o desenvolvimento dos dentes e dos ossos e a proteção da pele, garantindo a proteção de agentes antioxidantes, que são responsáveis por fortalecer o organismo.

“A deficiência de vitamina do complexo A, que compõe as folhas, podem provocar ulcerações nas córneas ou ceratoconjuntivite, desenvolvendo necroses. A falta desta vitamina também pode contribuir para a queda de cabelo, unhas quebradiças, pele seca e cegueira noturna. A alta quantidade de vitaminas do complexo C melhora o sistema imunológico, a pele, o humor e evita problemas oftalmológicos e derrames. O nutriente também conta com forte ação antioxidante, combatendo os radicais livres”, enaltece Letícia.

Outro alimento benéfico para a saúde e saboroso para incluir no cardápio são as ervilhas. Ricas em antioxidantes e cálcio, elas reduzem os riscos das doenças cardíacas, aumentam o colesterol bom, controlam o açúcar no sangue e diminuem o risco de diabete. Contribuem também para o funcionamento saudável do sistema nervoso e para saúde dos ossos.

“Esse legume é versátil. Além de repleta de minerais como  magnésio, ferro, fósforo e zinco, a ervilha também contempla vitaminas do complexo A, B e C. Também possui proteínas que são absorvidas rapidamente no organismo e evitam desconfortos gastrointestinais”, conclui a nutricionista.

         São diversas receitas de sopas saborosas e saudáveis, que ajudam a aquecer o inverno. Qual é a sua favorita?

Fonte: MB Comunicação  Empresarial/Organizacional
- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
a href="#">
-Anúncio-