2 agosto 2021 - 10:09

Projeto da Celesc beneficia famílias cadastradas como baixa renda em Tubarão, Imaruí e Pescaria Brava

O Projeto “Sou Legal, Tô Ligado”, que substitui chuveiros, lâmpadas e refrigeradores antigos por equipamentos mais novos e econômicos e é destinado a clientes da Celesc cadastrados como baixa renda, chega aos municípios de Tubarão, Imaruí e Pescaria Brava neste mês de dezembro.

“Essa é mais uma etapa da ação que, desde outubro deste ano, vem sendo desenvolvida em municípios do Sul catarinense, e que deve ocorrer até fevereiro de 2021. Em Laguna, primeira cidade da região a ser atendida, R$ 1,8 milhão foi aplicado em benefício de 1.250 famílias”, explica Bruno Clasen, gerente do projeto.

Em Tubarão, R$ 3,1 milhões serão investidos para atender mais de 2 mil famílias com a instalação de 2 mil chuveiros com trocadores de calor (substituindo os antigos e menos eficientes), 8,3 mil lâmpadas LED (mais econômicas), e, em alguns casos, a substituição de aproximadamente 200 refrigeradores antigos por modelos com Selo Procel, que autentica o consumo eficiente de energia elétrica dos aparelhos.

Já nas cidades de Imaruí e Pescaria Brava, serão investidos R$ 1,9 milhões na substituição de 1.250 chuveiros com trocadores de calor e 5 mil lâmpadas comuns por modelos de LED, beneficiando mais de 1.200 consumidores. Em toda a área de concessão da Celesc serão aplicados R$ 21,3 milhões na iniciativa, que irá beneficiar 14 mil famílias que vivem em 40 municípios do estado. A expectativa é gerar uma economia aproximada de 4 GWh no consumo de energia elétrica em um ano, o equivalente ao consumo médio de 20 mil unidades residenciais durante um mês em Santa Catarina. 

A troca dos equipamentos é estabelecida conforme critérios como o equipamento antigo ter mais de cinco anos de uso, por exemplo, e diagnóstico de energia realizado durante visita técnica ao consumidor. “Os chuveiros, as lâmpadas e os refrigeradores recolhidos das residências serão descartados de forma ecologicamente correta, por empresa especializada, apta e autorizada pelos órgãos governamentais. Ela será responsável pela coleta, o transporte, a descontaminação e a reciclagem dos materiais”, explica Clasen.

Como participar

O Projeto “Sou Legal, Tô Ligado” faz parte do Programa de Eficiência Energética da Celesc. Para participar o consumidor precisa estar cadastrado como Baixa Renda na Celesc (veja como fazer aqui LINK) e estar com o pagamento da fatura de energia em dia. Os municípios e participantes são selecionados após avaliação de necessidade técnica e econômica, realizada por técnicos da distribuidora, preferencialmente em locais não contemplados nas edições anteriores. E, sempre que possível, em parceria com o CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e as prefeituras de cada município.

 

Por Marcelle Fernandes | Edição Heda Wenzel

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-