quarta-feira, 12 agosto 2020 - 2:47

Programa de Desenvolvimento Econômico Local – DEL será lançado na quarta-feira em Orleans

 

Orleans tem diversas oportunidades de desenvolvimento da economia do município e pensando em instituir um modelo de gestão, será assinado no Centro de Vivências do Unibave, na quarta-feira 25, o contrato para implantação do Programa de Desenvolvimento Econômico Local (DEL). Parceria entre Associação Empresarial (ACIO), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e Universidade Barriga Verde (Unibave e Câmara de Vereadores facilitou o convênio.
O prefeito Jorge Koch, tem a convicção que a implantação do DEL é uma necessidade da administração pública. “Desde que nos foi apresentado o modelo e seus resultados práticos, entendemos que implantá-lo seria apostar de maneira mais firme na consolidação do futuro da nossa cidade”, explicou o chefe do executivo.
O Vice prefeito Mário Coan conta que o programa será implementado pela Federação das Associações Empresarias de Santa Catarina – FACISC e tem como base o modelo de Essen na Alemanha. O DEL o objetiva instituir um modelo de gestão, que “possibilite a continuidade dos projetos de interesse da comunidade, em prol do desenvolvimento econômico sustentável de Orleans”, destaca Coan.

Sobre o DEL
No Programa de Desenvolvimento Local (DEL), parceiros públicos, o setor empresarial e atores não governamentais trabalham coletivamente para melhorar as condições de crescimento econômico e da geração de emprego. Os municípios têm suas metas replanejadas com projeção de 20 anos à frente, da adequação das leis à análise econômica.
O Programa cria uma plataforma de diálogo entre parceiros públicos, setor empresarial e atores não governamentais. Os resultados desse envolvimento são reflexo de um trabalho coletivo e colaborativo, aparecendo na forma do desenvolvimento local e sustentável.

Resultados segundo o DEL
 Melhora da qualidade de vida nos centros urbanos e rurais.
 Favorece o ambiente para a atração de investimentos.
 Incrementa a capacidade de desenvolvimento aliando perspectiva econômica e qualidade de vida da população de forma sustentável a médio e longo prazo.
 Cria parcerias entre o setor público e privado.
 Melhora da credibilidade dos conselhos de desenvolvimento municipais.

Colaboração: Robson Lunardi

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-