20 setembro 2020 - 3:07

Prefeitura de Cocal do Sul encaminha redução de salário do primeiro escalão e congela reajuste de servidores

 

O Governo Municipal de Cocal do Sul além da preocupação no combate ao novo coranavírus, está empenhado em buscar alternativas para manter o equilíbrio das finanças públicas sem precisar sacrificar serviços essenciais no município.

Como medida econômica, a Prefeitura de Cocal do Sul encaminhou um ofício para Câmara de Vereadores solicitando a redução do salário de prefeito em 30% e 20% de vice-prefeito, secretários e diretores pelos próximos três meses. O prefeito Ademir Magagnin também encaminhou um projeto de Lei suspendendo o reajuste dos servidores municipais até julho. Além disso, todas as funções com gratificações foram reduzidas.

“Este período requer a colaboração de todos. Além de toda preocupação com a saúde das pessoas, nosso município e o país enfrentam uma luta diária na economia. Essa medida de congelar o reajuste salarial e diminuir os salários é uma alternativa para que possamos nos adequar e começar a conviver com essa queda. Nós temos um levantamento e acompanhamento diário da receita. Vamos ter uma queda de 40% e nossos programas e serviços essenciais não podem parar. É necessário que todos dêem a sua parcela de contribuição. Todas as nossas secretarias estão trabalhando com economia extrema em tudo. A ordem é reduzir, reduzir e reduzir. Nós contamos com colaboração de todos. Temos certeza que logo tudo isso irá acabar”, pontua.

Prefeitura Municipal de Cocal do Sul

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-