24 outubro 2021 - 12:45

Polícia Civil indicia homem que divulgou vídeo praticando atos racistas em São Ludgero

Nesta terça-feira (28), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia de São Ludgero, indiciou um homem de 57 anos por racismo, vias de fato, injúria qualificada pelo preconceito e ameaça. O Inquérito Policial concluído será encaminhado ao Ministério Público.

No último dia 17, um vídeo que mostrava um homem praticando atos racistas, além de ameaçar e injuriar a mulher que fazia a gravação, viralizou nas redes sociais. No vídeo, o homem também injuriava o filho da vítima e ameaçava de agredir a sua ex-companheira com um chinelo.

O autor, a vítima e as testemunhas foram ouvidas pela Polícia Civil. A mulher, de 26 anos, que estaria residindo em São Ludgero há apenas 15 dias com o homem, relatou que resolveu fazer o vídeo, pois seu companheiro estaria muito violento e que, um dia antes da gravação, teria sido agredida com um chinelo e com um tapa.

A mulher solicitou medidas protetivas contra o agressor, que foram deferidas pelo Poder Judiciário de Braço do Norte. Após isso, foi realizado contato com a Assistência Social do Município de São Ludgero, já que a mulher estaria passando por problemas financeiros para voltar para local de origem, Alagoas.

No dia 24 de setembro, foi providenciado suporte para que a vítima voltasse para Alagoas. A Polícia Civil de Santa Catarina acompanhou o embarque da vítima a sua terra natal.

PCSC

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-