29 setembro 2020 - 1:07

PMSC chega a 50 mil fiscalizações no trabalho de combate ao Covid-19

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) ultrapassou nesta segunda-feira, 15, o número de 50 mil fiscalizações das restrições das atividades econômicas e de isolamento social, atendendo aos decretos governamentais nesse sentido, desde o dia 17 de março. Foram exatamente, até o momento, 50.472 ocorrências, nas quais foram realizadas 893 notificações, 210 estabelecimentos foram interditados, foram lavrados 684 termos circunstanciados e 31 pessoas foram presas em razão do descumprimento das medidas restritivas.

Ao longo desses últimos meses, a PMSC teve que se adaptar de acordo com a evolução das medidas restritivas, evoluindo operacionalmente, desenvolvendo sistemas informatizados, para poder dar ao policial em operação as condições para continuar com o seu trabalho operacional no combate ao crime e, no atendimento das ocorrências diárias em relação às regras de Saúde da nova pandemia.

Segundo o comandante-geral da instituição, coronel Dionei Tonet, as ações deverão continuar, além de novas operações de Segurança. “A PMSC está preparada para atender à população nesse período tão difícil que todos passamos. Contamos com os cidadãos catarinenses para que o nosso trabalho seja intensificado ainda mais para que possamos juntos vencer a este inimigo comum que é o Covid-19”, afirmou.

Fiscalização – Ao ultrapassar o número de 50 mil fiscalizações, a PMSC realizou, desde o início da segunda quinzena de março, quando o Governo do Estado instalou um Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES) para enfrentamento do coronavírus em Santa Catarina, outras atividades que também ajudaram no processo de orientação da população no combate ao Covid-19.

Foram realizadas distribuição de cartazes que davam orientação sobre a utilização de espaços públicos e para que o cidadão catarinense se mantivesse em casa, ajudando no isolamento social. Ajustou o PMSC Cidadão (aplicativo para smartphone que pode ser baixado nas lojas de aplicativos iOS e Android) para uso por parte do cidadão com apoio às ocorrências sobre o Covid-19 e de consulta a Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE). A instituição está atenta a todas as denúncias realizadas pelos cidadãos também via 190.

A PMSC intensificou a fiscalização das medidas protetivas, com o apoio do Conselho Estadual de Saúde, que deu poder às forças de Segurança no Estado para atuarem nesse sentido, passando também a agir na condição de autoridade de saúde em todo o território catarinense, cabendo-lhe a fiscalização de todos os serviços e atividades liberadas a funcionar sob regramento especial durante a vigência da pandemia do Covid-19.

Por Marcelo Passamai – Centro de Comunicação Social da PMSC

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-