22 julho 2024 - 4:50
- Anúncio -

Homem não aceita o fim do relacionamento, joga filha de 6 anos no rio e pula em seguida

Testemunhas afirmaram que, antes de jogar a menina, o pai a agrediu com socos na cabeça

O Corpo de Bombeiros procura há três dias por pai e filha no rio Piranga, que passa pela cidade de Ponte Nova, na Zona da Mata mineira. Nesta terça-feira, o trabalho foi suspenso por falta de claridade.

De acordo com a corporação, sete militares trabalharam durante todo o dia na tentativa de localizar os dois. As equipes voltarão ao leito do rio na manhã desta quarta-feira (9).

No último sábado, o homem, de 26 anos, jogou a filha, de 6 anos, no rio. Em seguida, ele pulou. De acordo com a Polícia Militar, o homem quis se vingar da ex-mulher.

Testemunhas afirmaram que, antes de jogar a menina, o pai a agrediu com socos na cabeça. A mãe dela disse à PM que o homem a avisou, por meio de mensagens, que lançaria a filha no rio. Ela estava no trabalho e só visualizou os recados depois. A mulher e o pai se separaram recentemente e a garota estava aos cuidados dele.

Na segunda-feira (7), a Polícia Civil informou que os trabalhos para localização da criança e do agressor começaram na noite de sábado (5).

“As buscas estão em andamento, mas as chuvas têm dificultado a atuação no local agravada pelo excesso de barro na água e pela correnteza. A autoridade policial responsável instaurou Inquérito Policial para apurar os fatos e a investigação segue com análise de imagens e oitiva de testemunhas, neste momento”.

Fonte: G1 e Nova FM

spot_img
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-
<