19 setembro 2020 - 5:34

Ex-prefeito de Brusque Paulo Eccel toma posse como deputado

O ex-prefeito de Brusque Paulo Eccel, segundo suplente do PT, tomou posse na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, na tarde desta segunda-feira (6). Ele ocupará, por 30 dias, a cadeira do deputado Padre Pedro Baldissera (PT), que segue licenciado por motivos particulares.

Em virtude da pandemia do Covid-19, a posse ocorreu sem a presença de convidados, no Gabinete da Presidência da Alesc. Eccel prestou juramento e recebeu o termo de compromisso e posse do presidente da Assembleia, deputado Julio Garcia (PSD).

Advogado e professor, o novo deputado tem 54 anos e já exerceu mandato na Alesc entre 2003 e 2007. Também foi prefeito de Brusque por dois mandatos, entre 2009 e 2015. Nas eleições de 2018, ficou com a segunda suplência do PT, com 13.750 votos.

Em uma transmissão ao vivo por meio de uma rede social, Eccel afirmou que espera levar para a Assembleia as reivindicações de toda a sociedade para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus.

“Estou muito feliz com essa oportunidade”, disse Eccel, a respeito do exercício do mandato de deputado. “De forma muito honrada, também quero levar para a Assembleia os projetos que eu defendi durante as eleições de 2018.”

Entre esses projetos, conforme o deputado, estão a criação de um banco de boas práticas na política catarinense e a condicionante da liberação de recursos para investimentos em rodovias para os municípios mediante a construção de ciclofaixas ou ciclovias.

“Fala-se muito mal da classe política, mas existem coisas fantásticas, iniciativas maravilhosas que ocorrem em muitos municípios catarinenses. Nosso objetivo é fazer com quem as boas políticas públicas sejam copiadas em todo o estado”, afirmou.

O deputado também quer chamar a atenção para reivindicações antigas da região, em especial na infraestrutura, como a pavimentação das ligações rodoviárias entre Guabiruba e Blumenau, entre Major Gercino e Angelina e entre Botuverá e Vidal Ramos. “São pautas que vou levar para que não sejam esquecidas por parte do governo de Santa Catarina.”

Assembleia Legislativa de Santa Catarina

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-