1 outubro 2020 - 1:09

Tempotal com fortes rajadas de vento provocam prejuízos e morte no Oeste de SC

A  chuva  chegou acompanhada de fortes rajadas de vento no Oeste catarinense nesta terça-feira 30. Uma deixou uma pessoa morta, vias alagadas, destelhamentos e um rastro de destruição. Em algumas cidades houve registro de granizo.

Em Chapecó uma idosa de 78 anos morreu após ser atingida por uma árvore derrubada pela força do vento. O caso ocorreu próxima do aeroporto, no bairro Quedas do Palmital. A equipe do Corpo de Bombeiros prestou atendimento, mas a vítima não resistiu e morreu no local. Ainda não há mais detalhes sobre a identificação.

A velocidade do vento chegou a 108 km/h por volta das 13h30 no município, segundo Marcelo Martins, que é o meteorologista da Epagri/Ciram, órgão que monitora as condições climáticas no estado. Segundo a Defesa Civil do município, foram registradas até as 12h45 mais de 86 ocorrências.

Conforme a  prefeitura às 15h30 estavam bloqueadas as Avenida Ernesto De Março está bloqueada. Equipes da Guarda Municipal (GM) isolaram o local para que a Defesa Civil e Celesc possam averiguar a situação e trabalhar no local. Avenida Leopoldo Sander com quedas de árvores e postes, também está com parte das vias bloqueada. A GM está no local fazendo o controle do trânsito.

Segundo a Prefeitura de Concórdia foram registrados danos em 15 unidades escolares, dois Centros de Convivência, e o destelhamento do terminal rodoviário. Até as 15h, não havia registro de feridos no município.

Xanxerê e região

O vento forte provocou destelhamentos na manhã desta terça-feira (30) no município de Xanxerê. De acordo com a Defesa Civil municipal, o vento provocou estragos no bairro Pinheiro, Veneza e na Femi.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil do município, Ronaldo Luzzi, foram entregues lonas para os moradores do bairro Pinheiro, aonde o estrago provado pela força do vento foi maior.

Na Femi o vento arrancou o telhas e  goivos de um dos pavilhões. O vento por volta das 10h chegou a 81,4 km/h, também houve queda de granizo.

Nos bairros Pinheiro e Veneza foram registrados destelhamentos e lonas foram distribuídas aos moradores.

São Domingos, Mondaí, Caibi e Palmitos também tiveram casos de destelhamentos. Em São José do Cedro, os prejuízos foram no sistema de abastecimento de água na Linha 21 de Novembro, sendo que três das quatro caixas d´água do local foram danificadas.

Em Ponte Serrada e Concórdia, o temporal causou problemas com o fornecimento de energia elétrica por conta do temporal.

Em Joaçaba, parte do monumento de Frei Bruno, no bairro Flor da Serra, ficou destruída com o vento. A peça com cerca de 7 metros de cumprimento despencou do alto estrutura e caiu em frente ao terreno, ao lado do velário. Não havia ninguém no local no momento da queda.

Rodovias

Por volta das 15h, a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) informou que trechos da SC-157 e SC-305 tiveram ocorrências de árvores caídas na pista. A orientação é para que os usuários se desloquem com velocidade reduzida e o máximo de atenção, principalmente entre São Lourenço do Oeste e Novo Horizonte, e no km 2 ao 8 da SC-305 em São Lourenço do Oeste.

Fonte: Portal  G1- SC

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-