27 setembro 2020 - 4:51

Cejusc de Criciúma participa de e-book sobre práticas pacificadoras no ambiente familiar

Duas mediadoras do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da comarca de Criciúma têm suas práticas publicadas no e-book “Práticas Conectivas e Pacificadoras no ambiente familiar”. A produção foi inspirada pelo atual cenário da pandemia do novo coronavírus, isolamento social, maior convívio familiar e, com isso, mais emoções e sentimentos para serem administrados.

O objetivo da obra, segundo sua apresentação, é compartilhar recursos que levam à conexão e pacificação das relações e convivência em família, através de um conjunto de doze atividades que integram recursos de diversas áreas, tais como terapias holísticas, psicogenealogia, práticas restaurativas e práticas sistêmicas, buscando trazer leveza e harmonia aos lares.

O obra, que tem apoio do Cejusc de Criciúma, conta com a publicação de práticas da servidora Fernanda Bolzani Mascarello e da mediadora Noemi Ribeiro Albernaz. As profissionais abordam, respectivamente, “Prática  para conversar com o coração” e “Prática de resgate de vínculos afetivos do casal”.

“Tempos de insegurança e de incerteza expõem as nossas fragilidades, especialmente no ambiente familiar. Os autores do e-book, acostumados a atuar como facilitadores de processos de autoconhecimento, encararam o desafio de desenvolver práticas simples e acessíveis, mas com grande potencial para possibilitar o autoconhecimento e conexão entre as pessoas”, explica Fernanda. Segundo ela, o feedback está sendo tão positivo que já estão preparando o lançamento de um segundo e-book.

A obra, que possui trabalhos de outros dez a​utores, foi organizada pela professora do curso de Direito da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) Márcia Sarubbi Lippmann. Acesse o e-book de forma gratuita.​

Fonte: Assessoria de Comunicação – TJSC

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-