18 setembro 2020 - 9:18

Cegero é parceira dos sócios e entidades durante período difícil da pandemia Covid-19

O Conselho Administrativo da Cooperativa de Eletricidade de São Ludgero (Cegero) tomou atitudes favoráveis aos associados e a comunidade durante este período de impactos negativos motivados pela pandemia do Coronavírus. Entre elas, decidiu manter o fornecimento de energia elétrica para todas as residências até junho, mesmo diante de possíveis inadimplências, está cobrando apenas a demanda medida para consumidores de alta tensão, segue com os repasses mensais sociais às entidades, decidiu oportunizar apoios extras ao Hospital Santa Teresinha e Secretaria Municipal de Saúde, além de oportunizar o desconto de 100% até o consumo de 220 kWh/mês para beneficiados pela Tarifa Residencial Baixa Renda.

É importante informar que além das decisões do Conselho Administrativo a atual gestão segue as medidas adotadas através da Resolução nº 878/2020 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), através da Medida Provisória nº 950/2020 do Governo Federal. Em relação aos repasses financeiros mensais, a Cegero mantem rigorosamente em dia os repasses a Rede Feminina de Combate ao Câncer, Apae, Unidade Sanitária Central de Saúde (Pronto) e Hospital Santa Teresinha com valores que totalizam R$ 29.000,00. Diante da situação delicada, o Conselho Administrativo da Cegero, decidiu também apoiar financeiramente a Pastoral Social, fazer um repasse extra para o Hospital Santa Teresinha, dar apoio a ação social promovida pela Associação Comercial Industrial do Vale do Braço do Norte (Acivale) e ainda oportunizar um reforço de investimento na saúde de São Ludgero no enfrentamento da Covid-19 chegando ao total de repasses no valor de R$ 100.000,00.

O presidente da Cegero, Francisco Niehues Neto, o Chico, é objetivo em dizer que as decisões tomadas pelo Conselho Administrativo só estão sendo possíveis graças a gestão enxuta que vem sendo realizada, alinhado a planejamento e o foco exclusivo nos princípios cooperativistas.

As medidas adotadas pela Cegero na distribuição de energia:

– Postergação de prazos de pagamento das faturas durante o período de isolamento social;

– Não realização da suspensão do fornecimento por inadimplência (corte por falta de pagamento) de unidades consumidoras residenciais, incluindo baixa renda, além de serviços e atividades consideradas essenciais até dia 22 de junho de 2020;

– Manutenção do cadastro das famílias vinculadas a tarifa social;

– Desconto de 100% para o consumo de até 220 kWh/mês nos meses de abril, maio e junho dos consumidores beneficiados pela Tarifa Residencial de Baixa Renda;

– Cobrança apenas da demanda medida de consumidores faturados em alta tensão, nos meses de abril, maio e junho.

Os apoios financeiros mensais às entidades mantidos pela Cegero:

– Rede Feminina de Combate ao Câncer de SL = R$ 5000,00 mensais;

– Apae de São Ludgero = R$ 4.000,00 mensais;

– Unidade Sanitária Central de Saúde (Pronto) = R$ 15.000,00 mensais (manutenção do plantão médico e outros custos);

– Hospital Santa Teresinha = R$ 5.000,00 mensais.

Repasses extras para reforçar apoio durante o período da pandemia Covid-19:

– Pastoral Social = R$ 25.000 anuais para auxílio aos acamados e famílias carentes;

– Hospital Santa Teresinha = R$ 50.000,00 (para aquisição de equipamentos e EPI´S para o enfrentamento da Covid-19);

– Grupo de ajuda promovido pela ACIVALE = R$ 5.000,00. Ao todo o grupo de ajuda arrecadou R$ 41.400,00, que foram utilizados na aquisição de EPI´S para o Hospital Santa Teresinha de Braço do Norte/SC e para o Hospital Nossa Senhora da Conceição de Tubarão/SC;

– Secretária de Saúde de São Ludgero: R$ 20.000,00 para enfrentamento a Covid-19.

Fonte: Cegero

- Anúncio -
-Anúncio-
-Anúncio-
-Anúncio-