19 setembro 2021 - 5:33

Benefícios dos animais na vida do ser humano

A veracidade do fato de que a relação dos animais com o ser humano teve início na pré-história, com o intuito de proteger o território em que o homem vivia, e dando auxílio a caças e transporte de cargas e humanos. O homem passou a depender sempre das interações com outras espécies para a sua sobrevivência, de modo que partisse do fato de que esta relação a priorize mediante a era de predação, passando mais tarde para a domesticação.
Recentemente, os pets passaram a representar uma figura de destaque nas residências em que habitam. De modo que os mesmos estão assumindo 3 razões sociais distintas em meio a sua existência, sendo eles; Famílias cada vez menores (0 a 2 filhos), número de pessoas que moram sozinhas, envelhecimento da população. Ou até mesmo aqueles casais que optam por dar prioridade a vida profissional, e ter um pet como cia para o dia a dia. Nota- se que nos últimos anos que diversos profissionais das áreas da saúde estão optando por usar os animais como recurso de tratamentos físicos e psíquicos, sendo que os mesmos proporcionam uma melhoria da qualidade de vida dos pacientes que fazem uso deste método para auxiliar no tratamento, e no sentido que eles trazem estados de felicidade e auxiliam na melhora de condições físicas e psíquicas.
Os pets estão diretamente ligados as atividades relacionadas à família. De modo que independentemente de qualquer situação que a mesma esteja passando, estes bichinhos são capazes de promover o alívio e o conforto em momentos de perdas e mudanças repentinas, no sentido de trazer estados de felicidade, diminuindo assim os sentimentos de solidão, além de possibilitar uma auto-estima elevada, com intuito de proporcionar uma melhor qualidade de vida destas pessoas sedentárias e obesas os incentivando a realizar exercícios físico e estimulando o convivio social. Quanto as crianças, além de proporcionar muitas alegrias, estes pets de estimação promovem; fortalecimento do sistema imune, estímulos ao cérebro, desenvolvimento emocional, terapêuticos, responsabilidades, valores de vida, controle do estresse, prática de atividade física, menos obesidade, e socialização.
Contudo, podemos destacar que a cultura pet ganhou uma dimensão surpreendente na vida e na rotina de milhares de pessoas, muitos são os animais de estimação que já são considerados como membro principal da casa e da vida de qualquer pessoa ou casal que opte por ter um pet ao aconchego do seu lar e pegando um apreço enorme a estes
bichinhos.

Fontes: https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/80759/000902205.pdf?sequence

- Anúncio -
-Anúncio-